Mensagens

A mostrar mensagens de Janeiro, 2010

Não há culturas feias

Confesso que me sobressalta esta necessidade das pessoas conhecerem "novas culturas".
Para uma pessoa insegura como eu, a hipótese de levar uma tampa da "nova cultura" é aterrorizadora. Prefiro que a "nova cultura" me queira conhecer a mim. Quebra-se o gelo muito mais facilmente. Também existe outro facto que acho abusivo. Ninguém pergunta à "nova cultura" se quer ser conhecida. Esta descoberta pode ser uma violação de privacidade com consequencias muito graves. Violentas até. Esta mania que temos de ambicionar a mulher do vizinho deixa-me melindrante. Não é coisa correcta. Estar sedento de conhecer e experienciar a "nova cultura", é como levar uma adolescente para casa. Um corpinho rijo e hormonas revolucionárias tendem ser derrubados por muito pouco conteúdo. É o que se passa com a maioria das "novas culturas". Não estão maduras. São sobrevalorizadissimas e brevemente envelhecerão para uma "média cultura", cheia op…